Como dormir com o tornozelo quebrado?

Como você sabe, o corpo faz grande parte de seu trabalho de cura e regeneração enquanto dormimos. Apesar da dor, você vai querer ter certeza de que está tendo o maior descanso possível. Mas a pergunta que fica é como dormir com o tornozelo quebrado?

Nesse artigo você saberá tudo sobre como dormir com o tornozelo quebrado.

O que é uma fratura no tornozelo?

A fratura do tornozelo é entendida como a perda da continuidade óssea dos ossos da articulação superior do tornozelo, ou seja, a região interna (tíbia ou maléolo interno) e/ou região externa (peroneu ou maléolo externo) é quebrada.

A mais frequentemente afetada é o tornozelo externo, no entanto, lesões combinadas são possíveis em ambos os lados da articulação. 

Os ligamentos circundantes da articulação são quase sempre afetados nesta lesão.

Qual é a causa da fratura do tornozelo?

Embora geralmente seja considerada uma lesão esportiva, como já dito, os idosos também podem ser afetados. 

Por exemplo, se você andar em terreno irregular, de repente mudar de direção ou torcer o tornozelo depois de um salto e pousar incorretamente, poderá fraturar o tornozelo rapidamente. 

Uma queda de uma pequena altura em pacientes com comorbidades associadas (diabetes, osteoporose) pode resultar em tal fratura. Em resumo, as causas comuns desse tipo de fratura são:

  • Torção do tornozelo devido a tropeçar e escorregar.
  • Queda de uma grande altura e pousar em pé em seus tornozelos.
  • Acidentes de carro.
  • Exposição a um impacto direto no tornozelo.
  • Um distúrbio de coordenação ou equilíbrio (comum em idosos) também pode contribuir para o desenvolvimento de um acidente causal.

No caso de fraturas que ocorrem durante o esporte, as causas comuns desses acidentes são solos irregulares, que causam tropeços, escorregamentos ou quedas ao correr ou pular. Fraturas desse tipo podem ocorrer como uma lesão concomitante com fraturas da perna.

Como sei se tenho uma fratura no tornozelo?

Como é uma lesão de origem traumática, o desconforto quase sempre ocorre imediatamente após o evento ou movimento traumático. Uma fratura no tornozelo se manifesta principalmente através dos seguintes sinais e sintomas:

  • Dor imediata e intensa no local da fratura, que pode se espalhar para o pé ou joelho.
  • Inflamação, que pode ocorrer ao longo da panturrilha ou estar mais localizada no tornozelo.
  • Contusões e sensibilidade ao toque do tornozelo.
  • Alteração da capacidade de andar. Algumas pessoas com fraturas leves podem continuar a andar e tolerar seu peso na articulação fraturada. Portanto, uma caminhada estável não indica que o tornozelo não esteja fraturado.
  • Deformidade visível (em caso de fratura fechada) ou ossos visíveis salientes da pele (no caso de fraturas expostas).

Como dormir com o tornozelo quebrado?

Especialmente durante os primeiros dias, a melhor maneira de dormir, e tentar fazê-lo confortavelmente, é dormir de costas. Dessa forma, você evita fazer pressão na área afetada.

Para evitar adicionar problemas à lesão, você deve colocar sua cama de uma maneira que não possa rolar ou que o impeça de manter sua lesão elevada. 

Adicionar vários travesseiros à sua disposição para dormir pode ajudá-lo. Colocar um firmemente em cada lado do seu corpo pode ajudar a mantê-lo no lugar. 

Se você costuma dormir e se mexer muito, tente colocar os travesseiros sob o lençol baixo. Isso evitará que você os empurre enquanto dorme e pode mantê-lo estabilizado.

Considerando que o acontecido tornará seu membro maior do que você está acostumado, é melhor usar roupas leves e soltas para não pressionar o tornozelo.

Confira: Afinal, creatina provoca retenção de líquidos?